72ª Mostra de Teatro INDAC

Período: 31/Mai/2019 à 19/Jul/2019 (Entrada gratuita)

Cursos Profissionalizantes

Brasileirinho

livremente inspirado no álbum homônimo de Maria Bethânia – Musical

A partir das canções do álbum Brasileirinho (2003) de Maria Bethânia, o espetáculo foi concebido como uma ode à literatura brasileira e ao Brasil, com textos que vão do século 16 a hoje. Afinal, o que significa ser brasileiro?

Formandos Dezembro, 2018: Alberto Pereira Jr., Dante Passareli, Fernando Kahn, Heitor de Carvaille, Juju Bac, Renan Lucena e Sandra Lira. Participação Afetiva: Helena Lira.

Diretor: Renato Andrade
Assistente: Patrícia Vieira Costa
Arranjos e Preparação Musical: Pablo Sganzerla

Dias: 31 de Maio a 09 de Junho Sextas às 20h30 e 22h, Sábados às 19h, 20h30 e 22h e Domingos às 19h e 20h30. Teatro.

Indicação 12 anos. Duração 65 minutos.

O Rei da Vela

de Oswald de Andrade – Comédia

Dono de uma empresa de agiotagem, Abelardo & Abelardo, Abelardo I enriqueceu às custas da crise do café, lucrando com a miséria da população. Ele pretende completar sua ascensão social ao entrar para a família decadente de sua noiva, Heloísa, que faliu com a crise de 29. No entanto, seu sócio, Abelardo II, tem outros planos.

Profissionalizante 2: Anna Patarra, Gabriela Stracanholi, Ivan Mayrinck, Mariana Zocchi, Mary Minóboli e Rapha Zolko.

Diretor: Marcos Suchara
Assistente: Renan Lucena

Dias: 10, 11 e 12 de Junho às 19h30 e 21h30. Teatro.

Indicação 14 anos. Duração 60 minutos.

Ver Fotos

Psicose 4.48

de Sarah Kane (tradução Laerte Mello) – Drama

Ação demanda movimento. Nem sempre perceptível. Cada um carrega em si universos em constante transformação. O produto da mente humana permanece um mistério, mas poderiam, então, ser considerados atos? Isso; pretendemos pesquisar nesse ato de eus fragmentados em busca de aliviar a tensão massacrante do vazio. O imprevisível é bem-vindo. Está tudo bem, estamos aqui.

Profissionalizante 3: Alice Quintiliano, Camila Mathias, Di Pimenta, Fernanda Carvalho, Gabriela Oliveira, Jade Lira, Júlia Maia, Juno, Leon Carvalho, Leo Raoni, Lu Castro, Maria Montesanti, Matheus Martinelli, Mozart Costa, Thamires Araujo, Thay Bergamim e Victor Ale.

Diretor: Luiz Eduardo Frin
Assistente: Carol Bannwart

Dias: 13 e 14 de Junho às 20h e 22h e 15 de Junho às 18h, 20h e 22h. Sala 01.

Indicação 14 anos. Duração 75 minutos.

Ver Fotos

Os Que Têm Hora Marcada

de Elias Canetti – Drama

Em uma cidade fictícia, a população vive em aparente tranqüilidade. Como todos sabem exatamente quando vão morrer, conseguem programar sua existência. A engrenagem emperra, porém, quando um personagem, insatisfeito com o sistema e aflito por estar chegando sua hora, começa a duvidar da forma de vida e propõe uma revolução.

Profissionalizante 4: Ana Donegá, Anderson Amilton, Carinna Morena, Gustavo Barbiero, Júlia Salamé, Edgard Ferreira, Francisco Costa, Cleyton Simari, Janaina Hübler, Maria Clara Rodrigues, Paulo Vitor Salvino e Vicente Pereira.

Diretor: Francisco Gomes
Assistente: Alberto Pereira Jr.

Dias: 16, 17 e 18 de Junho às 20h e 22h. Teatro.

Indicação 12 anos. Duração 100 minutos.

Conselho de Classe

de Jô Bilac – Comédia

A reunião em uma escola pública dos professores Célio, Edilamar, Oswaldo e Mabel é desestabilizada pela chegada de Patrícia uma nova diretora. O encontro faz eclodir dilemas éticos e pessoais que gera um diálogo acerca das questões macro e micropolíticas da educação.

Profissionalizante 5: Filipe Tonioli, Gabriela Novais, Gustavo Oliveira, Ju Bleker e Lucas Cuevas.

Diretor: Renato Andrade
Assistente: Fernando Kahn

Dias: 19 e 20 de Junho às 20h e 22h. Sala 1.

Indicação 12 anos. Duração 70 minutos.

Ver Fotos

As Bacantes

de Eurípedes – Tragédia

Cegado por uma obsessão doentia, o rei Penteu deixa toda uma cidade a mercê da vingança de um novo Deus, um tal Dioniso, e seu exército de mulheres selvagens.

Profissionalizante 5: Andreony, Bárbara Regina, Beatriz Mazarak, Cica Moura, Mikha e Racine Tápias.

Diretor: Kiko Marques
Assistente: Isa Zimmermann e Michelle Gabriolli

Dias: 21 e 22 de Junho, às 19h e 21h30. Teatro.

Indicação 14 anos. Duração 105 minutos.

Estranhos no Paraíso

Criação Coletiva – Drama/Ficção

Profissionalizante 1: André Loddi, André Tamantini, Ariel Diament, Daniel Alves, Daniel de Ângelo, Fellipe Fratin, Gabriel Boani, Gabriela Karam, Gabriela Rocha, Giovana Borri, Leonardo Palladini, Luana Suleiman, Luiza Agostini, Luiza Sutton, Madson Melo, Natalia Marques, Natália Oliveira, Paula Cleveland, Pedro Tófani, Verônica Goeldi, Vinícius Beu.

Diretor: Marcus Paulo Tavares
Assistente: Alexandre Mercki

Dias: 01, 02 e 05 de Julho, às 19h20 e 21h30. Teatro.

Indicação 12 anos. Duração 100 minutos.

Murro em Ponta de Faca

de Augusto Boal – Drama

Murro em Ponta de Faca é um relato sobre a ditadura militar dos anos 70, no Brasil e América Latina; e registra com precisão a questão do exílio, presente desde sempre na história da humanidade, fruto da exclusão, da negação, da dominação e da intolerância, a luta pela afirmação, a resistência.

Formandos, Dezembro 2018: Alex Huszar, Chessas Andoré, Heitor Garcia Lima, Mariane Mastrella, Michelle Gabriolli, Warner Borges.

Diretor: Kiko Marques
Assistente: Lucas Martinez
Composição Musical: Alex Huszar

Dias: 10 a 19 de Julho, às 19h30 e 21h30 (Quartas, Quintas e Sextas). Teatro.

Indicação 14 anos. Duração 100 minutos.

Cursos Paralelos

descARTE

de Diversos – Comédia Crítica

O espetáculo é composto por cenas da peça “Chorume”, de Vinicius Calderoni, e trechos do documentário “Estamira”, de Marcos Prado. O encontro da ficção com a realidade potencializa a reflexão sobre a condição humana nos tempos atuais. A comédia e o drama se fundem para contar histórias que revelam o ridículo, o absurdo e o cinismo de um presente que exala um insuportável odor de passado.

Livre-Quarta: Beatriz Ramos, Bella Chelala, Carla Bardini, Guilherme Ramalho, Isa Vogas, Julia Boutaud, Laura Borelli, Lucas Antonini, Nay Fernandes, Theu Gouvêa e Vinicius Costa.

Diretora: Tania Kesselman.

Dia: 23 de Junho, às 19h30 e 21h30. Teatro.

Indicação 14 anos. Duração 60 minutos.

Será Amor?

de Alexandra DaMatta – Drama

Adaptação do texto Femichismo de Luiz hirschmann, a peça é uma fábula sobre as relações afetivas no mundo moderno, onde cada escolha conduz as personagens a cometerem as piores baixezas ou optar pelas grandezas.

Intermediário-Sábado: Adriana Silva, Bárbara Ramos, Barbara Zabori, Gustavo Mello, Isabela Nicolini e Matheus Ramos. Artistas convidados: Mariana Morenna e Rafael Imbroisi.

Diretora: Alexandra DaMatta
Dia: 23 de Junho, às 19h30 e 20h30. Sala 01

Indicação 14 anos. Duração 50 minutos.

E Vamos à Luta

Adaptação por Renato Andrade – Drama

a partir de cenas de Antônio Bivar, Dias Gomes, Gianfrancesco Guarnieri, Naum Alves de Souza, Pedro Bloch e Plinio Marcos. Inspirada nas canções de Gonzaguinha, a peça apresenta um grupo de moradores da favela do Cimento às vésperas da desapropriação de suas casas.

Livre-Terça: Akira Takiishi, Bia Perman, Blinfer, Camila Castro, Fagner, Gabriela Auler, Juliana Souza, Letícia Borrasca, Letícia Millão, Marina Bianchi, Carol Ishi, Pedro Coloma, Raquel Landenberger. Músico Convidado: Bruno Roberti.

Diretor: Renato Andrade
Assistente de Direção: Renan Suto

Dia: 25 de Junho, às 20h e 22h. Sala 01.

Indicação 14 anos. Duração 60 minutos.

A Máquina

de Adriana Falcão – Utopia

Era uma cidadezinha no sertão do Nordeste onde frequentemente se dizia; eita lugarzinho sem futuro!. É nesse cenário que Antônio, um cabra sonhador e apaixonado, decide melhorar o mundo pra dar de presente à Karina, seu grande amor. Entre cantorias e uma vontade sem fim de melhorar o em volta, que sem querer essa história vai levando a gente pra além de uma simples história de amor.

Avançado-Quarta: Adalberto Medeiros, Eric Robert, Gustavo Amaral, Helena Barbour, Marília Sodré, Sandra Almeida Silva, Shirlene Holanda, Socorro Cavalcante, Tetê Santacreu e Thiago Oliveira.

Diretora: Maristela Chelala
Assistente: Rachel Seika

Dia: 26 de Junho, às 19h30 e 21h. Teatro

Indicação Livre. Duração 60 minutos.

Paparazzi

de Matei Visniec – Comédia

É o começo do fim do mundo. Perdidos em um mundo onde o pensamento não existe mais, todos (paparazzis, pesquisadores, mendigos e funcionários públicos) deslizam ao longo das horas de uma noite sem fim, para o caos do dia seguinte.

Intermediário-Quinta: Adriana Nakashima, Bruno Infanger, Camila Caratti, Carlos Vieira, Elaine Lima, Gabriel Peres, Gabriel Rouvier, Gabriela Pascholati do Amaral, Iara Carvalho, Juliana Camargo, Miquéias Araújo e Ricardo Gravina

Diretor: Luiz Eduardo Frin
Assistente: Juju Bac

Dia: 27 de Junho, às 20h e 22h. Sala 05

Indicação Livre. Duração 60 minutos.

Era Uma Vez na Avenida Dropsie…

de Will Eisner – Dramas Cotidianos

Nessas histórias, que se entrecruzam, vemos tipos humanos solitários, soterrados pela indiferença e isolamento impostos pela grande metrópole. Uma cidade orquestrada pelo progresso incessantemente veloz, abafa os gritos e desejos de seus habitantes, fazendo de todos “pessoas invisíveis”; à procura de “pequenos milagres”.

Livre-Sábado: Aline Evaristo, Antônio Júnior, Bruno Xavier, Caio Fonseca, Denis Tonini, Felipe Kaizer, Giovana Sosa, Gui Cintra, Ítalo Rogerio, Joe Junior, Juliana Oliveira, Julio César Alves, Letícia Fudissaku, Marianna Marzullo, Pedro Goifman e Rodrigo Moura.

Diretora: Cristiane Urbinatti

Dia: 29 de Junho, às 19h e 21h. Teatro.

Indicação 12 anos. Duração 70 minutos.