O Curso Profissionalizante do Indac

Com mais de 30 anos de tradição, o Curso Profissionalizante de atores do Indac foi um dos primeiros em todo o país a ser reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação e Cultura) e a fornecer o DRT profissional.

Por dentro do curso

Atualmente, o curso é dividido em cinco semestres com aulas três dias por semana. A cada semestre é proposto um processo distinto ao aluno com diversos exercícios práticos e teóricos. Vários desses exercícios são encerrados com uma apresentação pública, há pelo menos duas apresentações de cada turma a cada semestre, a maioria delas como parte da Mostra de Teatro.

1º Semestre (S1)

No primeiro semestre, todas as disciplinas (veja a lista de disciplinas abaixo) são voltadas para que o aluno encontre sua expressão própria. Em voz, o que se busca é a voz própria; em expressão corporal, é a libertação e o domínio do ritmo próprio; e é assim que as duas disciplinas de interpretação também se constroem. Tudo conspira para que o aluno/artista invoque sua imaginação, incentivando-o a acessar e expressar suas emoções e ideias livremente, sem filtros e de forma confortável, postos à prova e expressados publicamente na montagem final desta etapa, que é criada coletivamente, com textos desenvolvidos por cada aluno/artista.

Disciplinas:

  • Estética e Linguagem
  • Expressão Corporal
  • Expressão Vocal
  • Interpretação
  • Montagem I

2º Semestre (S2)

No segundo semestre, o foco é o contato mais aprofundado com técnicas de corpo, voz e interpretação para lapidar e dar margem às criações, tendo como base entre outros, os textos da tragédia clássica grega no processo da aula de interpretação. A disciplina de texto introduz noções de estruturas dramatúrgicas e discute personagem e enredo sob o ponto de vista da escrita. Uma introdução ao Pós-Dramático também é feita a partir daqui. Nesse semestre mais técnico, a atenção na criatividade pessoal continua e é fundamental tanto na disciplina de figurino e caracterização como na montagem que é apresentada na Mostra. Agora o diretor usa um texto de um dos grandes autores da Comédia. A pesquisa do cômico, que começou em interpretação no primeiro semestre, se aprofunda.

Disciplinas:

  • Texto e Dramaturgia
  • Interpretação II
  • Figurino e Caracterização
  • Expressão Vocal II
  • Montagem II

3º Semestre (S3)

No terceiro semestre a disciplina de interpretação se dedica à linguagem da câmera como ferramenta de acesso a outras áreas da atuação, como TV e cinema. Simultaneamente, são experimentadas também as formas e técnicas de maquiagem, tanto do palco como da câmera. O trabalho corporal atinge seu momento mais técnico e de pesquisa. As questões teóricas da arte do ator são estudadas em História, que tem a evolução da arte da interpretação como seu eixo estrutural, e aqui é feita uma ampla introdução à história das artes plásticas, da literatura e do cinema em paralelo com a evolução da dramaturgia do palco, cinema e TV. A montagem final a ser apresentada na Mostra tem uma abordagem que dialoga entre o drama e o trágico.

Disciplinas:

  • Interpretação para câmera
  • Maquiagem
  • História do Teatro
  • Expressão Corporal II
  • Montagem III

4º Semestre (S4)

Nesse semestre há três processos intensos que se encerram com apresentação pública. Em Interpretação o processo visa o despertar da sensibilidade de cada aluno, um processo meticuloso construção de personagens que será apresentado para alunos veteranos que tiveram antes a mesma trajetória. Ao mesmo tempo um processo criativo nas aulas de expressão corporal se encerra com apresentação pública de peça focada na criação plástica pessoal de cada um. Montagem nesse semestre foca em clássicos, em personagens construídos de forma densa, em geral dramática que intensifica o processo iniciado no semestre anterior. O formação teórica tem uma disciplina dedicada exclusivamente a linguagem estética, um mergulho mais específico e aprofundado que completa o que se iniciou de forma mais formal no semestre anterior.

Disciplinas

  • Estética do Ator
  • Interpretação III
  • Expressão Corporal III
  • Montagem IV

5º Semestre (S5)

No último semestre o trabalho focado na consciência dos alunos em cena, estimulando o lado artista-criador peculiar de cada um. Aulas de voz e corpo tem agora o principal intuito de despertar a sensibilidade dos jovens artistas para a poesia e para sua própria imaginação criativa. O processo de interpretação vai na mesma direção da consciência de si como artista, e no consciência do intérprete sobre sua própria forma em cena. A montagem final tem um caráter de experimentação da criação de um projeto completo, por isso mesmo a turma é sempre dividida em duas, tendo processos separados com dois diretores.

Disciplinas:

  • Interpretação IV
  • Expressão Corporal IV
  • Expressão Vocal III
  • Montagem V

Enfim, o Curso Profissionalizante do Indac é um espaço conhecido por agregar pessoas diversas, de turmas heterogêneas, que encontram nas diferenças refúgio e inspiração para o fazer artístico, para a criação, para a arte. Um lugar aberto ao debate amplo e plural de ideias, construindo e descontruindo constantemente pensamentos e convicções dentro e fora da escola, criando coletivos e estabelecendo-se como uma grande família.